Secretaria de Saúde inicia recolhimento de pneus usados em Itabuna

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), reforçando as ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zica vírus, vem recolhendo pneus usados e descartados em borracharias e em locais públicos de Itabuna. O trabalho começou esta semana e conta com a parceria da empresa Recicla Brasil (da Agência Nacional de Indústria Pneumática) por meio de contrato firmado com o município, para o recolhimento do material.

Conforme lembra o secretário de Saúde de Itabuna, Vitor Lavinsky, pneus abandonados sob a ação do tempo, são ambientes perfeitos para a hospedagem e proliferação do mosquito e representam o terceiro depósito de infestação no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde.  “Todo cuidado é pouco na eliminação e no combate ao vetor das arboviroses que têm feito milhares de vitimas em municípios da Bahia e de outras partes do país” alerta.

Além das borracharias, as equipes percorrem terrenos baldios, lixões e ferros velhos em qualquer parte da cidade.  O recolhimento é feito por agentes de endemias e funcionários da Recicla Brasil, com o apoio de um caminhão da própria empresa que recebe o material.

Alem de recolher os pneus as equipes aproveitam para orientar proprietários de oficinas, borracheiros e a comunidade sobre o perigo que os pneus usados e guardados em depósitos a céu aberto representam para as pessoas, especialmente em uma região com clima quente e úmido como o nosso que favorece a proliferação do mosquito. .

O secretário de Saúde ressalta a importância desse trabalho que evitará o surgimento de criadouros de larvas e conseqüentemente o mosquito adulto, lembrando que o poder público está fazendo sua parte, mas a população pode ajudar nessa missão com atitudes simples como, por exemplo, evitar  qualquer objeto que possa acumular água parada dentro de casa ou no quintal, por menor que seja a quantidade.

“A missão da Secretaria de Saúde de Itabuna é promover ações como esta que vem sendo feita, para garantir a saúde da coletividade, mas é preciso a união de todos em qualquer canto da cidade para que o trabalho alcance o resultado desejado”.  As pessoas podem ajudar denunciando possíveis focos de larvas, pelo Disque Dengue 3612-8324.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s