Itabuna deflagra combate à dengue nos bairros Carlos Silva, Fonseca e Novo Fonseca

A Secretaria de Saúde de Itabuna deflagrou, como prioridade de governo, no último sábado (18), as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti em  bairros onde foi constatado um elevado índice de infestação predial, mas que será ampliado para toda a área urbana da cidade. O trabalho foi iniciado no bairro Carlos Silva/ Andarai, com um índice de 60% de criadouros em residências, nos 1.224 imóveis cadastrados, além do Fonseca (40%) e Novo Fonseca (34%).

O diretor do Departamento de Vigilância à Saúde,  Lucas Santana, considera que em função do elevado índice de infestação predial, que é em média de 24%  em Itabuna, o que representa um risco para a população de um surto epidêmico,  são necessários os mutirões promovidos pela Secretaria Municipal da Saúde com a mobilização de todos os setores do governo e da comunidade itabunense para uma verdadeira guerra ao mosquito aedes aegypti transmissor da dengue, chikungynia e zika vírus.

A ação desenvolvida pelos agentes pretende não apenas combater e eliminar o vetor destas arboviroses a partir do tratamento nos reservatórios, mas também sensibilizar e orientar as pessoas  sobre os cuidados e formas simples para prevenir que o mosquito se desenvolva e faça vítimas, eliminando locais para a sua  reprodução.

O presidente da Associação dos Moradores do Carlos Silva, Cosme Pereira Alves elogiou o trabalho das equipes da Secretaria da Saúde intensificando a ação de combate à dengue através de visitas domiciliares, num trabalho educativo. Também caminhões e tratores da Biosanear fizeram a retirada de lixo e remoção de entulho nos três bairros.

Ele lembra que tem participado e colaborado com as ações do governo municipal inclusive distribuindo duas mil telas especiais para a cobertura de tanques domiciliares, onde está um dos pontos de maior infestação predial do aedes aegypti

A dona de casa Cláudia Santos, que já teve dengue no último surto epidêmico, também recebeu material informativo e instruções dos  agentes de endemias envolvidos na ação no bairro  Novo Fonseca: “é um trabalho muito bom e instrutivo, com orientações para que possamos estar atentos permanentemente para o combate ao mosquito, o que é uma tarefa de todos nós.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s