Assinada ordem de serviço para obras em três bairros

O prefeito Fernando Gomes assinou ordem de serviço que beneficiará os principais acessos aos bairros Corbiniano Freire, Novo Horizonte e São Roque, com obras de pavimentação asfáltica, meio-fio e passeio melhorando a mobilidade urbana.

A obra será executada pela MJR Construtora LTDA. e terá início imediato, com a previsão de conclusão em seis meses. De acordo com o Secretário de Desenvolvimento Urbano, João Zullato, a verba para essa obra é oriunda do Ministério das Cidades, de um contrato do ano de 2009, mas que havia sido paralisada.

Anúncios

SAS abre inscrições para cursos do Projeto Empreender

O Departamento de Combate à Pobreza da Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) abriu vagas para a segunda etapa do Projeto Empreender, que oferece cursos profissionalizantes às pessoas inscritas no Cadastro Único, principalmente os beneficiários do Bolsa Família e demais programas sociais executados pela SAS. As inscrições serão realizadas apenas pela internet, através do link: https://www.even3.com.br/empreender_bolsa_familia_itabuna, até o dia 10 de maio e os candidatos terão que entregar xerox de RG, CPF, NIS, comprovante de residência e escolaridade no 1º dia do curso.

De acordo com a SAS, foram disponibilizadas 20 vagas para cada turma dos cursos de confeitaria básica, panificação básica, pães especiais, auxiliar na fabricação de pizzas, produção de salgados e folhados, produção de sequilhos e petit four. As aulas serão ministradas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um dos cinco maiores complexos de educação profissional do mundo e considerado o maior da América Latina.

A secretária Sandra Neilma explica que o Projeto Empreender se complementa com um plano de ações do governo municipal para gerar emprego e renda, promovendo a autonomia dos beneficiários do Programa Bolsa Família. Segundo ela, a proposta para este ano foi de proporcionar oportunidades no segmento culinário, onde homens, mulheres e jovens terão cursos que visam  o desenvolvimento de competências relativas à elaboração de produtos alimentícios e suas diversas modelagens, em conformidade com as boas práticas de fabricação e as normas de segurança.

Um dos principais atrativos dos cursos será a Unidade Móvel do SENAI, espaço onde serão realizadas  as aulas teóricas e práticas. De acordo com a diretora do Departamento de Combate à Pobreza, Carol Suzart, a carreta totalmente equipada ficará na praça Camacã, seguindo para outras localidades após a finalização de cada ciclo de 3 meses. Com início previsto para o próximo mês, o Projeto Empreender deverá capacitar em torno de 250 pessoas neste primeiro momento e mais de 700 pessoas até o fim de 2019, deixando-as aptas para o mercado de trabalho ou para abrirem seus próprios negócios.

Justiça de Minas Gerais bloqueia R$ 1 bilhão da Vale

O juiz Renan Chaves Carreira Machado, responsável pelo plantão judicial em Belo Horizonte, determinou o bloqueio de R$ 1 bilhão da mineradora Vale. O montante, de acordo com a decisão, deve ser depositado numa conta judicial. A medida foi tomada após o rompimento de uma barragem de rejeitos da empresa, em Brumadinho (MG), na região metropolitana de Belo Horizonte.

No texto, o magistrado se refere à tragédia no interior do estado como um evento com grave repercussão ambiental e elevado número de vítimas, de alcance ainda desconhecido. “Há um desastre humano e ambiental a exigir a destinação de recursos materiais para imediato e efetivo amparo às vítimas e redução das consequências”, destacou

Ainda de acordo com o juiz, uma atuação rápida da mineradora Vale e também do poder público – citando, explicitamente, o estado de Minas Gerais – pode resultar em melhor amparo às pessoas diretamente envolvidas e na redução do prejuízo ambiental.

“Cabe mencionar a grave crise financeira do estado de Minas Gerais, fato igualmente notório e que limita o enfrentamento de um desastre dessa proporção. Lado outro, a Vale, cuja responsabilidade é objetiva pelos danos causados, segundo ela própria, apresentou lucro recorrente de R$ 8,3 bilhões e distribuiu dividendos da ordem de US$ 1,142 bilhão apenas no terceiro trimestre de 2018.”

Desastre

O rompimento da barragem B1 ocorreu no início da tarde de ontem (25), na Mina Córrego do Feijão. A quantidade de rejeito acumulado na estrutura fez com que uma outra barragem transbordasse. A lama atingiu uma área administrativa da companhia e parte da comunidade de Vila Ferteco.

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais registrou, até o início da madrugada de hoje (26), nove mortes após o rompimento de uma barragem da mineradora Vale no município de Brumadinho. O último balanço da corporação aponta ainda o resgate de nove pessoas com vida da lama de rejeitos e de cerca de 100 pessoas que estavam ilhadas.(Agência Brasil)

Prosseguem as matrículas da rede municipal de ensino em Ilhéus

A Secretaria Municipal de Educação de Ilhéus informa que ainda há vagas disponíveis para novos alunos do ano letivo de 2019. A primeira etapa das matrículas na rede municipal de ensino ocorreu de 9 a 18 de janeiro, quando foram oferecidas nove mil vagas. Segundo a secretária municipal de Educação, Eliane Oliveira, a rede municipal de Ilhéus já matriculou 19 mil alunos, entre creches, educação infantil, anos iniciais, anos finais, Educação de Jovens e Adultos (EJA) 1 e 2.

A secretária também ressalta que estão disponíveis 1.750 vagas no total, das quais 400 são para alunos do sexto ao nono ano na Escola Municipal Princesa Isabel, turnos matutino e vespertino, 40 vagas para o sexto ano na Escola Municipal do Pontal, 1.000 nas escolas da zona rural e o restante distribuídas nas demais unidades da rede municipal de ensino.

Ela informa ainda que pais ou responsáveis podem esclarecer dúvidas sobre as matrículas ((73) 3234-7550). A secretária enfatiza que o setor de estatística funciona com plantonistas que atendem nos turnos da manhã e tarde, e o expediente se estende até as 20 horas, a depender da demanda, para atender a população.

Para realizar a matrícula, pais ou responsáveis devem comparecer às instituições de ensino munidos de duas fotos 3×4, pasta individual, cópias e originais da certidão de nascimento, RG, CPF, comprovante de residência e cartão do bolsa família, no caso dos beneficiários do programa.

Mutirão dos Bairros chega hoje ao Jardim Primavera

Como parte das comemorações do aniversário de 102 anos da Santa Casa de Misericórdia, está sendo realizada hoje, no Centro de Atenção Integral à Criança – CAIC, no Jardim Primavera o mutirão nos bairros que chega agora à sua 10ª edição.

Entre as especialidades médicas disponibilizadas para os moradores, estão atendimento em hepatologia, ginecologia, clínica médica, cardiologia, gastroeterolgia, proctologia, pediatria, neurologia e cirurgia.

A comunidade também vai contar com diversos serviços, a exemplo de audiometria, ECG, aferição de pressão, medição de glicose, odontologia, fisioterapia, além do famoso Espaço Kids, para lazer de crianças da comunidade.

Bope capacita policiais militares para atuação em situações de alto risco

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar da Bahia (PMBA) finalizou, nesta sexta-feira (25), o curso Instruções de Primeiras Respostas em Ocorrências Complexas, que, desde segunda-feira (21), capacitou 15 policiais militares de unidades operacionais do Estado. O treinamento capacita os profissionais para ação mais rápida e eficaz em situações com reféns, de ataques contra instituições financeiras e envolvendo explosivos.

“O objetivo é melhorar o desempenho desses profissionais para atuarem em ocorrências de alto risco, com material explosivo, com refém localizado e outras situações. Aqui, além dos conhecimentos teóricos ministrados em sala de aula, eles tiveram aulas práticas para desenvolverem os conteúdos que adquiriram. A ideia é que esses policiais levem o que aprenderam aqui para suas corporações, estabelecendo os parâmetros de como o policiamento deve atuar nesses momentos”, explicou o subcomandante do Bope, Fernando Cardoso.

O treinamento realizado pelo Batalhão faz parte de um trabalho de prevenção a crimes contra instituições financeiras, que é realizado através de estudos de caso, instruções e prática de elaboração de plano de defesa e aperfeiçoamento das ações integradas.

Governo federal cria comitê para acompanhar desastre em Brumadinho

O governo federal publicou decreto que institui o Conselho Ministerial de Supervisão de Respostas a Desastre para atuar na região de Brumadinho (MG), onde uma barragem de rejeitos da mineradora Vale se rompeu. Por meio de sua conta na rede social Twitter, o presidente Jair Bolsonaro detalhou que o conselho será coordenado pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

A finalidade do conselho, de acordo com o presidente, é acompanhar e fiscalizar as atividades a serem desenvolvidas em decorrência do desastre, além de acompanhar ações de socorro, assistência, restabelecimento de serviços essenciais afetados, recuperação de ecossistemas e reconstrução.

O comitê, segundo Bolsonaro, poderá convidar para reuniões representantes do governo de Brumadinho e do estado de Minas Gerais, de outros órgãos e entidades da administração pública federal, do Ministério Público Federal, da Defensoria Pública da União e da Advocacia-Geral de Minas Gerais, além de representantes de outros estados e municípios eventualmente atingidos.

“Poderão participar ainda integrantes de instituições acadêmicas, pesquisadores e especialistas de áreas técnicas relacionadas aos objetivos do comitê”, concluiu o presidente, no TwitteBrumadinho e região: Governo federal publicou decreto que institui o Conselho Ministerial de Supervisão de Respostas a Desastre coordenado pelo Ministro da Casa Civil. A finalidade é acompanhar e fiscalizar as atividades a serem desenvolvidas em decorrência do desastre…20,8 mil08:42 – 26 de jan de 2019Informações e privacidade no Twitter Ads3.785 pessoas estão falando sobre isso

Rompimento

rompimento da barragem B1 foi registrado pela Vale no início da tarde de ontem (25), na Mina Córrego do Feijão. A quantidade de rejeito acumulado na estrutura fez com que uma outra barragem transbordasse. A lama atingiu uma área administrativa da companhia e parte da comunidade de Vila Ferteco.

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais registrou, até o início da madrugada de hoje (26), nove mortes após o rompimento de uma barragem da mineradora Vale no município de Brumadinho. O último balanço da corporação aponta ainda o resgate de nove pessoas com vida da lama de rejeitos e de cerca de 100 pessoas que estavam ilhadas.(Agência Brasil)