UFSB vai implantar o regime semestral a partir de 2024

O Conselho Superior (Consuni) da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), o aprovou proposta para a adoção do regime semestral a partir de 2024. A discussão remonta aos primeiros tempos de funcionamento da UFSB, cujo modelo preconiza, dentre outras características, o regime quadrimestral, mais comum em universidades estrangeiras. 

Em março de 2022, a reitoria se reuniu com os decanatos das Unidades Acadêmicas para discutir o assunto e esboçar um plano de ação. Uma consulta interna à comunidade foi aberta em abril deste ano, com alunos, professores e técnicos tendo a oportunidade de se manifestar a respeito do tema e registrando oficialmente o posicionamento da comunidade universitária. 

Já na primeira eleição para o cargo de reitora da UFSB, a professora Joana Angélica conciliou a posição favorável à manutenção do regime quadrimestral e o interesse em ouvir e acatar a posição das categorias que formam a universidade: “Não tenho nenhum problema se a comunidade decidir que a gente deve ter um regime semestral ao invés do regime quadrimestral”. 

Para ela, “este é um tema que está na pauta da UFSB desde sua criação, embora nunca tenha havido uma discussão sistemática sobre isso. Com o processo de consulta para a Reitoria esse tema surgiu em quase todos os debates; a partir disso resolvemos abrir a discussão para que a comunidade pudesse se manifestar a respeito, acredito que a ampla maioria queria isso e o que fizemos foi dar espaço para o debate”.

A reitora avalia que a mudança no regime letivo tem seus proveitos: “O primeiro deles diz respeito à colaboração com a rede de universidades federais. Por funcionarmos em um regime letivo diferente da quase totalidade das IFES, tínhamos dificuldade nos processos de mobilidade e intercâmbio acadêmico. Outro ganho é termos mais tempo para o processo de ensino-aprendizagem; com a semestralização, os componentes curriculares serão ofertados de forma mais tranquila”.

Ela pondera que essa alteração faz parte do amadurecimento e do fortalecimento institucional: “Desde o seu início a UFSB tem feito discussões acerca dos seus processos de ensino-aprendizagem, da sua organização administrativa. Cada vez que um desses pontos é colocado em discussão, passamos por um processo de melhoria na compreensão da nossa universidade e isso faz parte do processo de consolidação.” 

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s